Para remover rótulos, etiquetas adesivas, cola de esparadrapo e chicletes: Descole o máximo que puder. Mergulhe a peça em água morna e esfregue com um pano macio. Se o adesivo persistir ou não puder imergir a peça em água morna, esfregue suavemente um pano macio embebido em álcool etílico ou solvente orgânico (benzina, hexano, éter etílico), se não sair molhe a superfície com o solvente e aguarde um minuto e tente a remoção. Cuidado, nunca raspe a superfície com lâminas, espátulas ou abrasivos grossos. Faça sempre um teste para observar se o solvente não estraga o material.

Para tirar o óleo no chão da garagem: Para retirar as manchas de óleo do chão de sua garagem, deixe as manchas de óleo de molho por alguns minutos em solvente (benzina, hexano, aguarraz, querosene, thinner, etc...), coloque uns jornais e deixe secar. Lave em seguida com uma solução de detergente, água fria e 50ml de hipoclorito de sódio. Repetir até ficar completamente limpo.

A benzina também é utilizada em processos de lavagem a seco em lavanderias e lavação automobilística.

Éter de Petróleo

O Éter de Petróleo é uma mistura de hidrocarbonetos principalmente pentano (C5H12) e hexano (C6H14), utilizado como solvente em laboratório, nas indústrias, nas tinturarias, em lavagens a seco, como desengraxante e na remoção de adesivos.

Nada tem a ver com o composto orgânico denominado Éter Etílico ou Éter Sulfúrico (C2H5–O–C2H5). A coincidência de nomes é devida à alta volatilidade desses hidrocarbonetos (semelhante a do Éter Etílico).
 
A Quimidrol comercializa “Benzina e Hexano de Grau Técnico”, sendo a composição uma mistura de hidrocarbonetos parafínicos constituídos principalmente de 5 a 9 átomos de carbono.