Remoção de tintas: É muito variada a gama de tintas e o comportamento que esta poça ter com o material em contato, deve-se testar a remoção com o solvente disponível, pode ser empregado álcool etílico, acetona, acetato de etila, benzina, aguarrás, essência de terebintina, xilol, querosene, etc...

Mancha de piche de tecidos: Esfregue querosene até que saia a mancha, então lave com detergente e água. A aguarrás não costuma tirar a cor do tecido, mas é melhor fazer um teste antes.

Limpeza de ferramentas: Remova a ferrugem das ferramentas de jardim, esfregando com lã de aço embebida em aguarrás (querosene ou essência de terebintina). Depois esfregue forte com um pedaço de alumínio fino, curvado. Este método também protege contra a ferrugem.

Para limpar torneira e acessórios cromados do banheiro: Economize tempo e dinheiro usando um pano embebido em aguarrás para remover a nata do sabão rapidamente, e o odor da água raz mineral desaparecerá em pouco tempo.

Para remover tintas e pichações do inox: Usar removedores de tintas alcalinos ou à base de solventes (álcool, acetona, aguarrás, querosene, thinner, etc...). Nunca use raspadores ou facas, para não arranhar o inox.

Para limpar as telas de janelas, para um trabalho completo, com uma escova tire toda a sujeira da tela, depois escove os dois lados, com a escova embebida em aguarrás. Seque com pano limpo. Este método também protege contra a ferrugem.

Limpeza de candelabros: Candelabros de metal em latão ou bronze que ficam com restos de velas incrustados em seus corpos, podem ser facilmente limpos, aqueça o metal para derreter a cera, depois dar um banho, esfregando com um pincel e aguarrás (ou essência de terebintina), lavar com água e secar com um pano. Ou mergulhe a peça em água fervendo por alguns minutos, a cera vai se soltar e flutuar, retirar da água com cuidado e deixar esfriar.

A aguarrás é utilizada também na remoção de ceras, na formulação de inseticidas, solventes e como combustível.